quarta-feira, 12 de julho de 2017

234 dias...

... ou, se preferirem, 7 meses e 22 dias.

Isto é a resposta à pergunta: há quanto tempo é que não calçavas os ténis de trail? Este tinha sido o último dia. Significa isto também que há imenso tempo que não via um gráfico deste género nos meus treinos:


O treino de ontem teve aquelas duas palavras que quando aparecem em conjunto me fazem ter vontade de me sentar no sofá a ver qualquer coisa na televisão enquanto estou agarrado a uma caixa de gelado ou a um balde de pipocas: trail nocturno.

Então e gostaste, perguntam vocês? Sim... e não.
Senti-me bem e apesar das limitações habituais nas descidas até não tive muitas dificuldades - excepto numa em particular. Tentava ir sempre no grupo da frente a subir para depois ter margem de manobra para demorar um pouco mais a descer. E sempre que ficava mais para trás tive companhia para me dar aquele bocadinho de apoio moral que é sempre importante.
Não gostei porque foi um treino muito longo para um dia de semana. Foram 13,5km que - com paragens para reagrupar e beber água - demoraram um total de quase duas horas e meia. Diz o Strava que a correr foram pouco menos de duas horas. Este é o tipo de treinos que a malta combina aos domingos de manhã e aí há menos restrições de tempo. Agora a uma 3a feira à noite... Torci o nariz e já estava algo farto aos 7,5km quando percebi que o regresso ia ser feito novamente pelo monte - e nem fazia ideia que essa subida ainda ia ser maior que a primeira! Acabámos quase todos por fazer grande parte dessa subida a andar. Isso também significou que a descida ia ser maior, mas como foi feita só com a luz dos frontais e eu estava mesmo era com vontade de acabar o treino enchi-me de fé e lá fui eu por ali abaixo. E pronto, a coisa fez-se.

Entretanto faltam 115 dias para a Maratona do Porto e o plano de treinos que eu segui no ano passado - e que quero seguir este ano ainda com mais afinco - é um plano para 20 semanas e eu tinha metido na cabeça que era de 12 semanas. Ou seja, tecnicamente o plano já começou mas com as duas semanas de férias que se aproximam lentamente - mas que vão passar num instante... - só vou mesmo meter mãos (ou pés) à obra a partir de 31 de Julho.

Já agora, no ano passado tentei seguir o "Plano para Atletas que pensam fazer entre 4h10 min e as 5h00 min" e desta vez vou optar pelo plano "3h30 min e as 4h00 min". Não que esteja com intenções de fazer tempos dentro desses valores, mas uma pessoa tem que apontar sempre um bocadinho mais acima daquilo que sabe que vai fazer.

7 comentários:

  1. (só hoje percebi que tinha o teu pedido no Strava sabe-se lá há quanto tempo... sorry!)

    Antes de mais, parabéns pelo trail! Fizeste muito bem, apesar de não teres gostado. Ahahaha! Tens de dar uma verdadeira oportunidade ao trail, e não num fim de dia em que estás a olhar para o relógio... Vais ver que é giro :)

    Acho muito bem que tenhas escolhido esse plano! Nunca se sabe :)

    Bons treinos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi há 22 dias. Ou se preferires, três semanas e um dia! (Não foi nada, ou melhor... não faço ideia há quanto tempo foi!)

      Obrigado! Eu já te disse que até gosto, apenas não é algo para o qual tenho tanto jeito. E ontem se não fosse o adiantado da hora tinha feito os kms finais sem stress. Aqui na zona e com a companhia do pessoal da equipa a coisa corre sempre bem. :)

      Nunca se sabe... Obrigado, igualmente! ;)

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Obrigado, igualmente. Bem falado ainda combino um longo contigo. Havemos de pensar nisso. :)
      Abraço!

      Eliminar
  3. O meu plano para o Porto começa em meados de Agosto - 12 semanas que começam logo fortes. Para isso tenho que conseguir uma boa base de km semanais que era o meu objectivo em Julho - uma inflamação do Aquiles está-me a estragar os planos. Se não conseguir adapta-se ... importante é chegar ao dia 7/11 o melhor possível para fazer a festa da Maratona e acabar - os 42km e 195m (antes que venha a piadola ;))
    Quanto ao trail ... os nocturnos são muito bons para a malta que já faz há muito tempo, pq já tem o bichinho cá dentro ... para quem ainda está a namorar é melhor de dia, para ter as paisagens para se apaixonar, e conseguir ver no cimo de um monte o que conseguio "conquistar" e sentir que valeu a pena o coração e os pulmões terem estado quase a saltar pela boca fora.
    Bem ... boas corridas.
    Aquele abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu plano a sério começa a 31/Julho que é o primeiro dia depois das férias. Também é esse o meu objectivo. Andas com azar nas lesões, caramba. As melhoras dessa inflamação! Não vou fazer piadolas com a distância, mas se fores correr a Maratona do Porto dia 7/11 já toda a gente acabou a prova! :D

      Já tive mais aversão a outros níveis com os trails, mas neste momento o meu único problema é aquele que sempre tive desde o primeiro que fiz: medo de descer. De resto já senti a beleza de algumas paisagens (Sintra e Mafra sobretudo, para além daquelas do meu "quintal") e a glória de ter conquistado algumas subidas - e a de 3a feira até acabou por ser uma novidade.
      Obrigado e as melhoras!
      Grande abraço!

      Eliminar
  4. Lol durinho não é?? Confesso que começo a gostar mais do monte para caminhar e apreciar a paisagem é o ar puro. A correr não se vê nada... Não percebi qual é o teu problema nas descidas

    ResponderEliminar